O momento atual – FC Porto

Caro Sérgio (permite-me que te trate por tu), já conheces e muito bem esta casa onde foste jogador e agora és timoneiro pelo 3.º ano consecutivo. Este texto, que agora todos estão a ler, é um desabafo sobre o atual estado da nação azul e branca e do nosso momento menos feliz no panorama futebolístico.

Sérgio Conceição vive dias complicados no Dragão

És provavelmente o treinador que eu, enquanto adepto do FC Porto, mais defendi ao longo do tempo em que comecei a acompanhar o clube. Nem André Villas-Boas, nem Vítor Pereira, nem Paulo Fonseca, nem Lopetegui, nem Nuno Espírito Santo tiveram tanto apoio da minha parte como tu tiveste (e ainda tens algum). Foste o homem que recolocou o FC Porto na luta por títulos, foste o homem que recuperou o ADN do FC Porto e voltou a chamar centenas de adeptos de novo ao Estádio do Dragão. Na tua primeira época sagraste-te campeão nacional e com recorde de pontos. Feito impensável meses antes da conquista, sobretudo, derivado a um plantel com poucos recursos e de qualidade “duvidosa”.

Moussa Marega foi um dos heróis do título do FC Porto em 2018

Na tua segunda época iniciaste a mesma com a conquista da Supertaça frente ao Desportivo das Aves e somaste o teu segundo troféu no FC Porto. Até inícios de janeiro foste fazendo o teu trabalho de uma forma genial e conseguiste mesmo 18 vitórias consecutivas para todas as competições. Fechaste a primeira metade do campeonato com mais 7 pontos de avanço sobre o eterno rival Benfica. Estava tudo encaminhado para seres de novo campeão nacional e para, uma vez mais, elevarmos o nome do FC Porto. Contudo, e aqui vais ter de me desculpar, perdemos imensos pontos de vantagem por erros teus que eu jamais imaginava que pudesses cometer. O modelo de jogo previamente alinhado para o plantel que tinhas/tens em mãos está completamente esgotado. Foi graças à imensa previsibilidade tática que perdemos a grandiosa vantagem para o nosso rival.

Esta época fomos eliminados da Liga dos Campeões por um Krasnodar que mais tarde nem à fase de grupos da Liga Europa passou. Em sentido oposto, foste vencer a casa do Benfica e do Sporting mas acabámos a 7 pontos do rival no fecho da primeira metade do campeonato. Onde perdemos pontos afinal? Em casa do Marítimo (que já trocou de treinador), em casa do Belenenses SAD (que já vai no 3º treinador esta época), em Barcelos (onde é sempre um campo difícil) e agora em pleno Dragão frente a um Braga que até nem é um dos mais perigosos dos últimos anos. A que se deve tanto ponto perdido contra equipas de menor dimensão, Sérgio?

Muito simples. Qualquer treinador mediano, se fechar os corredores laterais e se optar por um bloco coeso e baixo, anula o FC Porto. O modelo preconizado por ti já é conhecido por todos. Bola que parte do central e que depois se limita a recorrer ao jogo direto para Marega ou Soares. Ou isto ou pedir a Alex Telles para dar profundidade. Se não for assim, só mesmo de bolas paradas. Aí até te destacas bastante e, de jogo para jogo, vais “inventando” de forma a aproveitar algumas possíveis fragilidades do teu oponente.

Outra coisa que não entendo é a forma como defendes os cantos. Marcações H-H sendo que colocas 2 jogadores ao 1.º poste e o 2.º está completamente vazio. Já sofremos diversos golos, fruto da tua teimosia em defender os cantos desta forma (Krasnodar, Braga ou Feyenoord). Depois permite-me que te questione: Manafá, Marega ou Danilo são indiscutíveis? Não há oportunidades para jogadores como Saravia (que não foi barato), Loum (que custou quase 8 milhões de euros) ou Aboubakar (que no meu entender é o melhor avançado do plantel)?

Tudo isto são questões que te faço e que, acredito, não serei o único portista a fazer. Já te defendi imenso e uma vez mais, repito: foste o treinador que mais defendi desde que acompanho o FC Porto! Mas os teus erros e a tua teimosia fazem-me deixar de acreditar no teu potencial, no teu trabalho e, até na tua ideia de jogo que já nos deu títulos.

Agora, para finalizar, deixo-te um apelo:

Se tiveres de mudar ou de adaptar, fá-lo. Em prol da equipa, dos adeptos e do… Futebol Clube do Porto!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: